Imagem inspirada em um plano de fundo clássico do Windows XP, "Alegria".

Windows 10 grátis? Entenda o caso!

0 Flares 0 Flares ×

Você sabia que é possível utilizar a última versão do Windows 10 sem pagar nada? De uns anos para cá, a Microsoft – empresa responsável por desenvolver o sistema operacional (OS) – vem mudando sua política com relação a esse produto, fundamental para a utilização do PC.

Neste post, trazemos uma discussão sobre por que a organização decidiu “liberar” o uso desse sistema, além de uma explicação das principais diferenças para a versão comprada. No final, você ainda confere um passo a passo de como instalar o Windows 10 grátis. Vamos lá?

O custo de um sistema operacional

Dispositivos eletrônicos utilizam softwares centrais que funcionam como base para rodar todos os demais programas. Dessa forma, os sistemas operacionais podem ser considerados como plataformas de interação entre o usuário e os aplicativos do computador.

No segmento de celulares, por exemplo, temos o iOS e o Android como sistemas dominantes no mercado mundial. No entanto, quando falamos de computadores, a Microsoft está na primeira posição, seguida pelo Mac OS X, da Apple.

Gráfico representando o market share de sistemas operacionais para PC.
Fonte: StatCounter (dados de janeiro de 2020).

Lançado na década de 80, o sistema operacional da Microsoft já contou com diversas versões, algumas com foco em uso doméstico e outras dedicadas para sistemas de servidores. Confira os anos de lançamento das principais:

  • 1983: Microsoft Windows
  • 1987: Microsoft Windows/386
  • 1990: Microsoft Windows 3.0
  • 1992: Microsoft Windows for Workgroups 3.1
  • 1993: Microsoft Windows NT 3.1
  • 1995: Microsoft Windows 95
  • 1996: Microsoft Windows CE 1.0
  • 1998: Microsoft Windows 98
  • 2000: Microsoft Windows 2000
  • 2000: Microsoft Windows ME
  • 2001: Microsoft Windows XP
  • 2003: Microsoft Windows Server 2003
  • 2007: Microsoft Windows Vista
  • 2009: Microsoft Windows 7
  • 2012: Microsoft Windows 8

A versão atual foi lançada em 2015. Com o mesmo nome até hoje, o Windows 10 não parece próximo do fim, com atualizações constantes e uma tendência por parte da Microsoft de manter esse nome e trabalhar com updates.

Cópias originais do Windows não estão entre os itens mais baratos, especialmente no Brasil. A versão mais básica é encontrada por valores em torno dos setecentos reais, na versão digital vendida pela loja oficial da Microsoft no país.

Portanto, fica o questionamento dos motivos pelos quais a Microsoft estaria liberando um software com tantos anos de desenvolvimento e tão importante e presente no mundo dos PCs de forma gratuita.

Windows 10 de graça: por quê?

Para além dos sistemas operacionais, o papel dos aplicativos está cada vez mais relevante no mundo corporativo. Portanto, para uso profissional, é importante utilizar versões atualizadas do Windows, para garantir segurança e desempenho nos softwares modernos.

A própria Microsoft atua nesse mercado, com a oferta do Office 365 – serviço de assinatura dos programas Excel, Word, PowerPoint, entre outros, que também integram o ambiente de armazenamento em nuvem OneDrive.

Equipe de trabalho em frente ao computador.
Os aplicativos da Microsoft oferecem soluções corporativas para o dia a dia do ambiente profissional.

Portanto, garantindo que mais pessoas estejam utilizando a última versão do sistema, a empresa abre portas para que esses softwares funcionem da melhor forma possível, ainda mais com a sincronização de arquivos e pastas na nuvem e a função de salvamento automático de documentos e planilhas.

Banner para a página de download da planilha de acompanhamento de serviços e cadastro de clientes.

Outro fator importante é a segurança: com o suporte ao Windows 7 (última versão antes do lançamento do 10) se encerrando, usuários de sistemas antigos podem estar sujeitos a problemas decorrentes de incompatibilidade com aplicativos que exigem um OS atualizado.

Diferenças entre a versão paga e a gratuita

Ao optar pela versão do Windows 10 grátis, o usuário fica limitado em algumas configurações, que só podem ser destravadas com uma licença comprada (chave de produto). As principais diferenças entre as duas versões são:

  • Marca d’água: uma mensagem semitransparente permanece no canto inferior direito da tela, com um link para que o usuário compre e ative o Windows
  • Esquema de cores: a personalização do esquema de cores do sistema operacional não é permitida nessa versão
  • Papel de parede: não é possível alterar o wallpaper do Windows pela tela de configuração normal do sistema, sendo necessário utilizar o clique com o botão direito em cima de uma imagem, para então selecioná-la como papel de parede

É isso. Tirando esses três pontos, todo o resto do sistema funciona normalmente. Portanto, se não existir problema em trabalhar com essas limitações, podemos considerar que o Windows 10 está, na prática, sendo disponibilizado de forma gratuita.

Banner para o e-book "Como atrair clientes para sua assistência técnica".

Como baixar e instalar o Windows 10

Para utilizar a última versão do Windows, você precisa apenas de uma mídia removível e do arquivo ISO (imagem) do sistema. O mais comum é criar um pen drive bootável, ou seja, carregar o OS em uma unidade USB.

Para realizar essa operação, a Microsoft disponibiliza uma ferramenta chamada de Windows USB/DVD Download Tool. De fácil manuseio, o processo de configuração é simples e rápido. Confira o passo a passo:

1. Baixar a imagem do Windows 10, diretamente do site da Microsoft

2. Instalar a ferramenta de criação do pen drive bootável (baixe aqui)

3. Iniciar o Windows USB/DVD Download Tool e seguir as instruções para criar a mídia com os arquivos de instalação do sistema

4. Reiniciar o computador/notebook pela unidade USB e acessar a tela de instalação do Windows 10*

5. Durante a instalação, na etapa de inserção do código do produto, selecionar a opção “Não tenho uma chave de produto”

*Para fazer o boot pelo pen drive, consulte na internet a tecla de atalho da placa-mãe do seu computador. Para notebooks, essa tecla deve variar de acordo com a fabricante.

Viu como é fácil? Caso não saiba formatar o computador, você pode levar a uma assistência técnica de sua confiança, e pedir para que a última versão do Windows seja instalada dessa forma.

Depois de mais de trinta anos de desenvolvimento, a disponibilização desse sistema operacional é um sinal da democratização da tecnologia, proporcionando maior acesso a softwares fundamentais no dia a dia.

Conte nos comentários quais são as suas opiniões sobre por que a Microsoft decidiu ir para esse caminho, e deixe o seu palpite de como será o futuro dos sistemas operacionais dos computadores.

Não se esqueça, também, de assinar a newsletter do blog, preenchendo o formulário abaixo. Toda semana, você recebe por e-mail um novo post sobre o mundo da tecnologia e a gestão de assistências técnicas de informática!

Referências:

Para a criação desse post, utilizamos como referência principal o canal de tecnologia Techquickie, além de alguns outros sites que complementaram o assunto. Vale ressaltar que não estamos, de forma alguma, apoiando qualquer tipo de falsificação do sistema. O método utilizado não envolve a ativação do produto, somente a sua instalação sem chave de produto.

Entendemos que o tópico causa algumas contradições, mas acreditamos que nossas fontes estão corretas. Para mais informações, não deixe de conferir a lista de links a seguir:

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×

ELGSCREEN

A ELGScreen é uma loja online, presente no mercado desde 2008, especializada na venda de telas para notebook, com diversas opções de modelos. O e-commerce possui ainda teclados, baterias, fontes e outras peças para notebook. A ELGScreen oferece condições especiais de preço e pagamento para revendedores. Confira nossas condições especiais acessando elgscreen.com

13 thoughts to “Windows 10 grátis? Entenda o caso!”

  1. Sou técnico e instalador de sistemas desde o Windows 3.1. Também concordo com a informação de que o sistema Windows 10 ainda NÂO É GRATIS. essa forma de divulgar a gratuidade do sistema faz pensar que a Microsoft mudou sua politica, quando na verdade, essa “forma de usar” o sistema sem ativação, já é possível a muito tempo, mais traz consigo a forte ideia de ilegalidade, já que o sistema informa ao usuário que ele possivelmente tenha sido vitima de falsificação. Esperamos desde os anos 90 que a Microsoft mude sua forma de fornecer seu sistema, mais caso não mude, estará fadada a superação por parte dos softwares livres. O android vem ai!!! Cuida!

    1. Olá, Marcos! Obrigado pelo contato.

      Nesse post, nós procuramos trazer essa discussão à tona, uma vez que estamos em uma era de transformação na forma como pagamos pelos produtos de tecnologia que utilizamos. Nas nossas análises, não encontramos essas mensagens do Windows, que informam que o usuário foi vítima de falsificação. De qualquer forma, estamos com uma máquina de testes, na qual aplicamos essas etapas, e vamos continuar monitorando para verificar o funcionamento dessa cópia do OS.

      Para maiores esclarecimentos, deixamos nossas referências ao final do post.

      Obrigado e um ótimo dia!

    1. Olá, Sandro! Obrigado pelo contato.

      De fato, não encontramos uma nota oficial da empresa, notificando essa possibilidade. Para maiores esclarecimentos sobre as nossas fontes, adicionamos links ao final do post, com as referências utilizadas.

      Desejamos um ótimo dia!

  2. A MICROSOFT DEMOROU DEMAIS, MAS PERCEBEU QUE O ANDROID DOMINA CADA VEZ MAS O MERCADO DE SISTEMAS OPERACIONAIS,HOJE TANTO JOVENS COMO PESSOAS DE MAIS IDADE OPERAM SEUS CELULARES COM ANDROID COM MUITA HABILIDADE,MUITO MAIS QUE O WINDOWS,TRABALHO COM COMPUTADORES A MUITO TEMPO,E JÁ HAVIA COMENTADO COM DIVERSOS CLIENTES ESSA PERCEPÇÃO,ANTES QUE O ANDROID MIGRE PARA OS PCS ESTÃO TOMANDO UMA ATITUDE DRÁSTICA,FORNECER O PRODUTO GRATUITAMENTE, E LUCRAR EM OUTRO SEGMENTOS QUE NÃO SEJA O USUÁRIO DOMÉSTICO,OU FAZER PARCERIAS E DESENVOLVER UM WINDONS MUITO BOM PARA CELULARES GRATUITAMENTE

  3. Sou do tempo do DOS e sempre me incomodei pela Microsoft não ter um SO gratuito, inclusive mudei para o Linux por conta disso. A liberação do Windows é um avanço pois permitir que a maioria dos usuarios o usem dentro da legalidade, Já era tempo!

  4. Olá
    Vocês prestam um desserviço ao usuário incauto com esta matéria, o Windows 10 não tem nenhuma versão gratuita. Além da limitação acima informada, o Sistema é bloqueado após um certo período de tempo, impedindo inclusive acesso o Sistema para salvar documentos e outros dados pessoais.

    1. Dio Xavier, bom dia. Obrigado pleo contato.

      Revimos novamente as informações passadas pelo blog diante do seu comentário, e acreditamos que não esteja incorreta, pois é possível sim fazer a instalação do Windows 10 de forma gratuita. No entanto, o SO não fica ativado, ele apresenta as limitações, que são citadas no post, como a marca d’agua pedindo para ativar o Windows, não sendo possível mudar o papel de parede. Mas prosseguindo as etapas, dá sim para utilizar uma versão não ativada do Windows 10 sim. Segue alguns links que serviram como base para o desenvolvimento do post.

      https://www.youtube.com/watch?v=AYaRzp–xyk

      https://www.apptuts.com.br/tutorial/windows-pc/baixar-usar-o-windows-10-de-graca/

      Qualquer dúvida estamos a disposição.

      Att. Equipe ELGScreen

        1. Olá, Sandro! Não deixe de conferir nossas referências ao final do post. Elas foram adicionadas para tirar quaisquer dúvidas sobre as fontes utilizadas na criação do material.

          Obrigado e um ótimo dia!

      1. Discordo totalmente. Vocês deveriam ter mais cuidado ao postar estas matérias sem nenhuma coprovação, consultem a Microsoft e terão a resposta certa. Não há Windows 10 gratuíto, YouTube não serve de referência para nada posta-se o quiser, inclusive estas inverdades.

        1. Bom dia, Dio! Para maiores esclarecimentos, deixamos as fontes de referência utilizadas no artigo ao final do texto. Dessa forma, entendemos que nossa posição ficará mais transparente. Respeitamos todas as opiniões nos comentários, e procuramos sempre trazer o melhor conteúdo, com o máximo de pesquisa possível.

          Devido às discussões sobre esse assunto, também iniciamos um experimento interno, colocando uma versão do Windows 10 em um de nossos notebooks, que veio com Linux, de fábrica. Fizemos o procedimento da forma como está descrito no texto, e vamos monitorar a situação para comprovar a teoria, na prática. Diante de qualquer problema, voltaremos aqui e faremos todas as correções necessárias no conteúdo.

          Desde já, agradecemos a compreensão e o contato. Tenha um ótimo dia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *