o que é overclock

O que é overclock e no que ele afeta?

0 Flares 0 Flares ×

Desde o começo da história da computação, pesquisadores e usuários procuram por formas de aumentar a performance de seus aparelhos ao máximo. Mesmo com a constante evolução das tecnologias disponíveis no mercado, há sempre quem deseja ir além. Uma das técnicas mais utilizadas para alcançar esse objetivo é o overclock.

Na publicação de hoje, explicaremos o que é overclock e como fazer o procedimento, assim como o que você deve saber antes de realizá-lo.

O que é overclock?

O overclock é uma técnica que força algum componente do computador, tablet ou até smartphones a rodar em uma frequência maior do que aquela especificada pelo fabricante do dispositivo.

Esse procedimento existe a tanto tempo quanto os computadores. Para saber o que é overclock, é preciso entender que os dispositivos transformam energia elétrica em informação. Durante a fabricação de computadores e similares, os desenvolvedores definem a taxa de conversão entre quantidade de energia consumida x quantidade de clock no computador.

O processo faz com que o computador consuma mais energia e, consequentemente, aumente o clock da máquina. Além de maior performance, a técnica gera mais calor e ruídos. O nível é medido pela porcentagem do aumento da velocidade, sendo que um overclock de 10% é suportado de forma segura e tranquila pela maioria dos computadores atuais. Qualquer porcentagem a mais deve ser explorada com cautela e cuidados específicos.

Como funciona um overclock?

Para fazer overclock, é necessário que o usuário dê comandos específicos para o hardware, visto que estará ultrapassando os limites impostos pela fabricante. Atualmente, muitos computadores já possuem sistema para a técnica nativo. Por exemplo, a Intel utiliza a tecnologia TurboBoost e a AMD oferece o TurboCore, que aceleram o clock do computador ao detectar alta demanda do sistema. Porém, é importante sempre verificar as condições impostas pelo fabricante, pois realizar pode retirar seu direito a garantia.

O procedimento altera diversos parâmetros, como a taxa de transferência de dados, velocidade do FBS (Front Side Bus) da placa-mãe e os multiplicadores de CPU. Obviamente, as mudanças são limitadas conforme o poder da máquina. Outras funções continuarão funcionando sem nenhuma alteração, como a quantidade de memória cache do processador.

Porém, é importante notar que por causa das limitações, muitas vezes o ganho de desempenho é, na realidade, menor do que achamos à primeira vista. O processo nem sempre é estável, por isso o maior desafio dos overclockers, entusiastas do procedimento, é conseguir a maior velocidade possível sem comprometer a estabilidade.

Confira o vídeo da RBtech, que faz um apanhado geral sobre o que é overclock:

Placa-mãe, placa de vídeo e memória RAM

O overclock atinge o computador inteiro, por isso é necessário verificar se os seus componentes são compatíveis com a técnica.

A memória principal do computador determina a velocidade da transferência de dados entre o processador, ela mesma e o resto do computador. Com isso, fica claro a importância vital do componente para o processo. Também é possível fazer overclock na memória RAM.

No caso de realizar nessa peça, verifique quais slots da placa-mãe são mais recomendados para o processo e instale a memória neles. Normalmente, você pode encontrar essa informação no manual de usuário da placa.

É importante notar que é necessário desativar o overclock de outros componentes antes de fazê-lo na memória RAM. Há exceção se o sistema estiver estável, por isso tome bastante cuidado. O motivo é que, caso haja instabilidades, não será possível identificar se o problema está no overclock da memória ou de algum outro componente. Verifique também se o módulo de memória é adequado para o processo. Possuir, ao menos, um dissipador é um sinal que realizar o procedimento é mais seguro.

Você também pode fazer a técnica em sua placa de vídeo. Esse modo é muito procurado por gamers que desejam jogar com maior FPS (frames per second, ou frames por segundo).

A forma mais segura, fácil e eficaz de fazer o processo na placa de vídeo é por meio de softwares desenvolvidos especificamente para isso. O mais utilizado atualmente é o MSI Afterburner, que você pode baixar clicando aqui.

Quando fazer overclock?

Se você já sabe o que é overclock, pode estar tentado a realizar o procedimento. Porém, antes de fazer, verifique se realmente é necessário.

Por mais que o procedimento aumente o desempenho do computador, não é necessário fazer overclock se você é um usuário comum. Por exemplo: se você utiliza sua máquina apenas para rodar programas de pequeno ou médio impacto, navegar na internet, ver filmes e outras atividades cotidianas, não é recomendado aplicar a técnica. O ganho de performance não causará uma grande diferença, por isso não se preocupe em fazê-lo.

o que é overclock?

Além dos entusiastas que têm a técnica como hobby, o público mais engajado no overclock é o gamer. Normalmente com hardwares poderosos, os gamers usam a técnica para aumentar seu desempenho durante partidas. Quem faz uso de programas pesados, como edição de vídeos e codificação, também é beneficiado por ela.

É seguro fazer overclock?

Quem deseja fazer overclock deve estar atento aos riscos. Todo e qualquer processo que altere as configurações de hardware podem ser perigosos, por isso é necessário checar se seus componentes são compatíveis com a técnica.

Lembre-se que essa técnica faz com que o computador consuma mais energia, logo ele gerará mais calor. Um bom cooler é essencial para o processo – de preferência, use um com nitrogênio líquido.

O nível de overclock também está ligado à segurança do procedimento. Por mais que cada máquina tenha um nível seguro diferente, a grande maioria dos computadores com dispositivos compatíveis funciona de forma estável com 10%.

Caso o sistema fique instável, reverta o procedimento assim que notar a instabilidade. Lembre-se que danos causados pelo overclock não são cobertos pela garantia. Evite o uso prolongado da técnica, já que ele reduz a vida útil do aparelho.

Tutoriais e vídeos de overclock

Agora que você já sabe o que é overclock, seus riscos e vantagens, pode começar a fazer o procedimento. Para isso, separamos vídeos com tutoriais. Confira:

Se você deseja aplicar o procedimento em sua memória RAM, este guia, produzido pelo canal Peperaio Hardware, é bastante completo e lhe ajudará em todos os passos.

Quem procura fazer um overclock leve e seguro, é possível usar o software ThrottleStop. Confira esse tutorial, criado pelo canal M-a-i-c-o-n, que pode ser usado em notebooks e computadores de mesa.

Você já viu um computador rodando com overclock extremo? O vídeo do canal Tek Syndicate mostra 14 recordes da técnica, tão extremos quanto não recomendados para iniciantes. Confira:

Se você pretende realizar a técnica, lembre-se de se manter em uma margem segura. Você já realizou overclock em sua máquina? Conte a experiência para a gente nos comentários!

Quer receber mais conteúdos relevantes para você e sua assistência técnica? Cadastre-se em nossa newsletter!


0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×

ELGSCREEN

A ELGScreen é uma loja online, presente no mercado desde 2008, especializada na venda de telas para notebook, com diversas opções de modelos. O e-commerce possui ainda teclados, baterias, fontes e outras peças para notebook. A ELGScreen oferece condições especiais de preço e pagamento para revendedores. Confira nossas condições especiais acessando elgscreen.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *